terça-feira, 15 de janeiro de 2013

O aniversário da Catarina

É verdade, faz hoje um ano que a Catarina nasceu. 
A noite tinha sido longa... Eu e o João tínhamos estado na praia e chegámos a casa por volta das 5 horas da madrugada. Dormimos que nem pedras. Ele não tinha sequer a noção de que a mãe tinha saído para o hospital e eu acordei com repetidas chamadas e uma mensagem a dizer que "A menina nasceu!". Peculiar o facto de não ter de me servir do mínimo esforço para recordar estas coisas. São memórias que não apagam. Sempre tão nítidas. Tão presentes. E não temos a noção delas até momentos como este aparecerem e nos obrigarem a fazer tempo com a alma para as relembrar. 
O sol que fazia quando chegamos ao hospital. O elevador vazio. O cheiro do hospital na ala da Maternidade. O sorriso rasgado da mãe. A Catarina tão pequenina, tão estranha. Os primeiros dias dela em casa. Estava sempre tudo fechado no quarto, naquela pequena estufa. O ar quente, tudo rosa, o cheiro doce. Os primeiros choros e o João a impingir-me o cargo de a ir sossegar... Oh, que saudades...
E muitos parabéns à minha Princesa!

5 comentários:

Catarina disse...

Parabéns para a catarina :b ela é tão querida *-*

danieladias disse...

Que princesa mais linda *.*
Parabéns, d. ♥

danieladias disse...

Eu percebi! É muito querida *.*

Ana de Oliveira disse...

Podes sim senhora e muito obrigada!

Cath disse...

tenho de ver o que se arranja :3
que menina tão adorável, e ainda por cima chama-se Catarina, aww :')

Enviar um comentário

«I don’t care if you’re black, white, straight, bisexual, gay, lesbian, short, tall, fat, skinny, rich or poor. If you’re nice to me, I’ll be nice to you.
Simple as that.»