terça-feira, 5 de outubro de 2010

empty words


Não era tão mais fácil deixar de lado estes joguinhos do “esconde-esconde”, e falar com sinceridade, sem enigmas e segundos sentidos?
Porquê que tem de ser tudo tão complicado e cheio de artimanhas?
Se algo está mal, explicita-o! Não esperes que adivinhe.
Poupas tempo, mas acima de tudo: poupas todas aquelas palavras vazias que dizemos um ao outro!

18 comentários:

biazinha disse...

Conheço alguém assim =$

Isabel disse...

Fazes muito bem, em estudar isso (:
Também gosto por acaso *.*

Sara Santos disse...

Força Daniela :) tudo se resolve. beijinhos.

héldergonçalves disse...

é muita coisa junta. :o.

héldergonçalves disse...

pois, é caso para isso. :s.

héldergonçalves disse...

sim, pensamento positivo. :3.

héldergonçalves disse...

tem de ser. :').
então why? :s.

héldergonçalves disse...

gosh! :o.
boa sorte. :').

FLÁVIOMATA disse...

Grandes cromos, AHAHAHAH

héldergonçalves disse...

pensamento positivo, e estudo, e vais ver que consegues. :).

héldergonçalves disse...

isso nunca cheira, ou quase nunca, mas tem de ser, nem que se ponham imensas cenas para tapar o nariz. :o.

Isabel disse...

Vais ver que ainda consegues (:

Sara disse...

esse texto enquadra-se na minha vida :o

júgóvskii disse...

pois, foi como eu xD em filosofia dizem-se coisas úteis até (a)

mesmo, a letra é bem linda :)

júgóvskii disse...

eu gostava mais se a minha stora não parecesse a minha avó xD

Sara disse...

A serio mesmo :)
nao precisa de ser feliz para ser um texto lindo *.*

nicas disse...

as palavras silenciosas. « palavras vazias »
gostei imenso das tuas palavras cheias :)

nicas disse...

obrigada querida :) adoro o teu espaço

Enviar um comentário

«I don’t care if you’re black, white, straight, bisexual, gay, lesbian, short, tall, fat, skinny, rich or poor. If you’re nice to me, I’ll be nice to you.
Simple as that.»