terça-feira, 3 de agosto de 2010


Nos tempos de hoje alguém puramente honesto é um achado; uma impossibilidade.
As mentiras, os enganos e os fingimentos fazem parte do nosso dia-a-dia, da nossa vida e já são os nossos melhores amigos.
Fazemos de tudo para agradar ao outro, sem pensarmos em nós mesmos. Tornou-se mais fácil enganar do que ser honesto.
O mais importante é a nossa imagem, a nossa reputação e aquilo que deixámos passar para os outros. No entanto, até o nosso melhor amigo nos trai. Um dia.
E, um dia, essa máscara que carregámos durante o toda uma vida, vai cair. Vai cair com o peso de todas as mentiras proferidas e de todos os gestos fingidos.
Somos arrastados para um mundo a preto e branco, onde a pura felicidade não existe e levamos connosco todos aqueles que enganámos.
A vida já não é vida, em certos aspectos. É pior que guerra, onde o lema que nos rege é a sobrevivência ao mundo social.
Limpem as armas e que a guerra comece

16 comentários:

FLÁVIOMATA disse...

O filme é muito bom sim :)
Já devias ter mandado. Estás mortinha por mandar, que eu sei :o

FLÁVIOMATA disse...

Não te adianta, topo-te à distância (a)
Que plano? :o

FLÁVIOMATA disse...

Comigo não tens hipótese de te fazeres de dificil (a)

Cris disse...

Está um texto lindo, é um facto!
Mas faz mal ver a vida dessa maneira.
E não encaixa em toda a gente. Eu acabo sempre por dizer o que tenho a dizer sem medo do que possam achar.
Há pessoas completamente puras. E errar faz parte do ser humano.
Sem erros não aprendemos.
É mais bonito não ver o "quadro todo" como fizeste, embora seja verdade em muitos aspectos.

Adorei! (Só para ficar bem esclarecido.xD)

Cátia Mourisca disse...

UM SELINHO PARA TI NO MEU BLOG QUERIDA*

alexandrapinto disse...

Concordo com o teu texto. E sinto o mesmo, sinceramente :s
Parece que a sinceridade e a pureza das pessoas desapareceu :s

FLÁVIOMATA disse...

Estás a fazer de propósito :o

alexandrapinto disse...

desculpa? o.o
estás a falar de quê?

FLÁVIOMATA disse...

Claro que sei. Malandra :c

catraia disse...

junta as duas e imagina só o que estou a pensar. mas se .fosse só isso...
olha, obrigada :) gostei muito do teu blog também, vou seguir!

Zanna disse...

Nao ta nada de mais, mas obrigada querida :D

este sim é um texto lindo, entendo-te tao bem...

Zanna disse...

nao tenho nada de especial :)

tu e que tens aqui uns belos textos :p

Juliana disse...

obrigada também gostei do teu blog (;
vou seguir.

(bem verdade este texto)

Gabriela disse...

E eu gostei deste post :b

catraia disse...

também já te estou a seguir daniela :3

Gabriela disse...

É lindo mesmo *.*
A sério? Um dia destes também queria fazer um, está a correr-te bem? :)

Enviar um comentário

«I don’t care if you’re black, white, straight, bisexual, gay, lesbian, short, tall, fat, skinny, rich or poor. If you’re nice to me, I’ll be nice to you.
Simple as that.»